Total de visualizações de página

sábado, 23 de janeiro de 2010

15 de Janeiro de 2010 - 14 BIS na Lona de Jacarepaguá

Sempre quis assistir um show do 14 Bis, e não sei explicar ao certo o porquê de nunca ter ido a nenhum. Eles chegaram a tocar na Lona de Jacarepaguá em Dezembro de 2008, mas perdi a apresentação porque tinha que tocar com a Crossroads na mesma data.
Mas enfim, estava eu prestes a conferir ao vivo, uma das mais importantes e influentes bandas do Brasil. Descobri, e fiquei imprecionado com o fato de que muita gente pensa que o 14 Bis acabou, com a saída de Flavio Venturini em 1987. Mas Claudio Venturini (guitarra e voz), Sérgio Magrão (baixo e voz), Vermelho (teclados e voz) e Hely Rodrigues (bateria) continuaram com a banda, e lançaram seis discos (incluindo dois "ao vivo", sendo um deles ao lado do Boca Livre; e um Acústico).

A abertura ficou a cargo da Nave de Prata, banda formada por garotos entre 16 e 20 anos, declaradamente fãs do 14 Bis, o próprio nome foi tirado de uma das músicas da banda mineira. A garotada até que mandou bem, se mostrando bastante nervosos, o que é normal; mas me pareceram um pouco crus, e com limitações técnicas principlamente no baixo e nos solos de guitarra. E tiveram grandes méritos, principalmente com boas músicas autorais, com destaque para o baterista e o jovem tecladista.
























0 14 Bis subiu ao palco para a alegria do bom público presente, tocando logo de cara um dos seus maiores hits: "Bola de Meia, Bola de Gude", composta por Milton Nascimento e Fernando Brant especialmente para o grupo. Nos shows o quarteto conta sempre com a participação do tecladista Sérgio Vasconcelos, fiel escudeiro que não poderia faltar.
É um privilégio presenciar Claudio Venturini tocando guitarra, com solos melodiosos e belíssimos, muito bem executados, é sem dúvida um verdadeiro "Guitar Hero". Magrão com seu baixo sempre econômico, na maior parte do tempo se limitando a marcação, mas com algumas belas intervenções. Vermelho sempre discreto e eficiente nos teclados. Hely é preciso e simples, tem a sabedoria daqueles bateristas que sabem que na maioria dos casos "menos é mais", como os mestres Ringo Starr (Beatles), Doug Clifford (Creedence Clearwater Revival) e Nick Mason (Pink Floyd). Não posso esquecer de comentar o casamento perfeito das 3 vozes, em afinação e sintonia perfeitas.
Demonstrando uma certa timidez mineira, Claudio pouco se dirigia à platéia, se limitando a dizer ao microfone o nome da canção e seus autores; e foi assim que apresentou a linda "Sonhando o Futuro", sua parceria com Lô Borges.
Na sequência vieram o clássico "Uma Velha Canção Rock'n'Roll" e "Canções de Guerra" (o carro-chefe de "Outros Planos", seu mais recente disco de estúdio, lançado em 2004).
O guitarrista apresentou Magrão, que fez a voz principal em "Caçador de Mim" (composta pelo baixista e Luis Carlos Sá), que foi a primeira da noite a ser cantada em coro por toda a Lona. É claro que não foi a única; "Espanhola", "Todo Azul do Mar" e "Planeta Sonho" foram cantadas em uníssono e a plenos pulmões pelos fãs.
Muita gente não sabe que em 1987, 14 Bis e Legião Urbana dividiram o mesmo estúdio e produtor (Mayrton Bahia), e que as duas bandas acompanhavam as gravações do disco uma da outra. Com isso surgiu uma amizade entre eles, que culminou com "Mais Uma Vez", composição em parceria entre Flávio Venturini e Renato Russo. A música foi gravada no LP "Sete" (o último de estúdio a contar com Flávio), e Renato chegou a gravar o vocal, que acabou ficando de fora da versão original que saiu no disco. Esse mesmo vocal gravado foi utilizado em 2003 no CD "Presente", que contou com uma nova versão da música, com arranjo novo e tocado por outros músicos. Essa versão foi grande sucesso radiofônico, e fez com que o CD atingisse mais de 150 mil cópias vendidas. Isso explica o entusiasmo de todos, quando foi tocada na Lona.
Para o Bis, os meninos da Nave de Prata foram chamadas pra subir novamente ao palco e levar com seus mestres, um dos maiores hinos do 14 Bis: "Linda Juventude". Com certeza, todo mundo saiu satisfeito, mas a rapaziada da banda de abertura deve ter ido pra casa extasiados de dividirem o mesmo palco com seus ídolos.

SETLIST:
1- Bola de Meia, bola de Gude
2- Sonhando o Futuro
3- Uma Velha Canção Rock’n’Roll
4- Canções de Guerra
5- Caçador de Mim
6- Siga o Sol
7- Canção da América
8- O Fogo do Teu Olhar
9- Eu Já Fechei Meus Olhos (I Can’t Make You Love Me)
10- Espanhola
11- Nave de Prata
12- Todo Azul do Mar
13- Perdendo a Razão
14- Mais Uma Vez
15- Mesmo de Brincadeira
16- Natural
17- Planeta Sonho
18- Linda Juventude

Nenhum comentário:

Postar um comentário