Total de visualizações de página

domingo, 5 de agosto de 2012

EU NA EUROPA 2012 - Primeiro Dia - Champ-Élysees e Arco do Triunfo

Rolou muita confusão, mas consegui chegar no horário, e embarcamos com tranquilidade. Não posso deixar de agradecer a Cecília e a Leticia pelo apoio logístico.
Recebemos o aviso de que a tripulação estava presa no transito. Com isso, o vôo saiu com uma hora de atraso.
A viagem foi tranquila, e consegui tirar um bom cochilo, alternados com dois filmes Jogos Vorazes, e Friends with Kids, que ainda não estreiou no Brasil.
Fizemos escala em Portugal, na cidade de Porto, mas foi tão rápido que só deu tempo de ir ao banheiro e trocar de avião.
Chegamos em Paris, e tive uma surpresa desagradável: minha mala com todas as minhas roupas havia sumido. Na hora bateu um desespero, porque lá estava, além das melhores roupas, uma boa parte da minha coleção de camisas do Vasco.
Meu irmão, único membro da família que fala francês fluente, assumiu o controle, e descobriu junto a TAP que a bagagem ficou em Portugal, e que seria entregue em casa no dia seguinte.
Enquanto isso tive que usar as roupas da Mell. O problema que as calcinhas delas apertavam muito...
Mas falando sério, Ricardo me emprestou o vestuário que aparece nas fotos a seguir.
Depois de um lanche preparado pelo meu irmão, e de um revigorante banho, fomos no principal ponto turístico da França: o Carrefour, que fica ao lado do prédio onde Ricardo mora,
Depois, como no ano passado, o primeiro passeio que fizemos em Paris foi na Champ-Élysee.
Pegamos a linha 6 do metro, e partimos em nossa primeira aventura.

Todos reunidos em frente ao arco do triunfo. Pra fazer essa foto usamos o monopod. Trata-se de um suporte para a camêra que é segurado por uma das pessoas que será fotografada, que nesse caso fui eu.


Eu e Mell com a  Champs-Élysees ao fundo

O casal 20. O Arco do Triunfo é pequeno pra tanto amor


O lado oposto da Champ-Élysees é a parte mais nova de Paris, com o visual moderno e arquitetura futurista, conhecido como La défense

Com um carrão desses até eu fico lindo


Minha Mãe e a réplica da Mercedez do Schummacher

Minha família em frente ao local onde morou Santos Dummont.
Os franceses costumavam valorizar os brasileiros certos. Já hoje em dia... Vi na Fnac os CDs de Michel Tello e Gustavo Lins expostos em destaque. É o Brasil exportando lixo para o mundo, como já profetizava Renato Russo em Geração Coca-Cola.

No jantar não sobrou muito da pizza...



Essa é a esquina da casa do meu irmão.
E esse é o novo Clube da Esquina.


Nas fotos meu irmão representa o desempenho do Brasil nas Olimpíadas 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário