Total de visualizações de página

domingo, 30 de janeiro de 2011

29 de Janeiro de 2011 - STAND UP COMEDY DE SERGIO MALLANDRO - Lona Cultural de Jacarepaguá

No final de 2009, estava eu no ambulatória de odontologia do Hospital onde trabalho, em meu horário de almoço, ouvindo rádio com fones de ouvido, ao programa "Rock Bola", que estava recebendo Sergio Mallandro como convidado.
Sempre achei que o Serginho fosse um debilóide, e de tão retardado, chegava a ser engraçado vê-lo em tosqueiras como "Show de Calouros" ou na "Portas dos Desesperados". Aquele monte de "Glu-glus", "Ie-iei", e "salsifu-fus" nunca foi o tipo de humor que me agradava em cheio.
Mas naquele dia, morri de rir ao ouvi-lo contar piadas, as histórias de sua vida, e aos "causos" com Marlene Mattos, Xuxa e Silvio Santos. Gargalhava sem parar, e de repente percebi que meus colegas de trabalho estavam se divertindo ao me assistir soltando sonoras gargalhadas, aparentemente sem motivo algum. O mico aumenta de tamanho, somando-se a isso o fato de que havia começado nesse emprego há poucas semanas, e minha timidez faz com que as pessoas pensem que sou muito sério, de pouca conversa, e em alguns casos chegam a me julgar antipático. Talvez, o ocorrido tenha servido pra quebrar o gelo com a galera do trabalho.
Mas voltando ao Mallandro, ele divulgava no "Rock Bola" ao seu "Stand Up Comedy" que acabara de estrear no Teatro Grandes Atores (na Barra da Tijuca - RJ).
Depois daquela experiência, mudei meu conceito sobre o humorista, e quase fui assisti-lo na Barra. Uma das coisas que me desanimou foi o preço da entrada: R$70,00 inteira. Mas eis que surge uma grande oportunidade: Sergio Mallandro na Lona de Jacarepaguá por R$25,00 a inteira. Tratei de garantir as entradas com antecedência.
Com quse meia hora de atraso, Serginho sobe ao palco da Lona, com aquela empolgação que já o é característica, apesar do calor que beirava o insuportável.
E em mais de uma hora e meia de apresentação que passou rapidíssimo, ele fez muita gente de bexiga solta, literalmente molhar as calças de tanto rir.
Me surpreendi com sua perfomance, ao ver que além de ser um carar muito engraçado, Sergio Mallandro também é um excelente ator cômico. Mostra um grande talento ao encenar suas histórias que jura serem verídicas, como quando encontrou Chico Buarque e Jorge Benjor numa viagem de avião, ou quando contou como foi a primeira vez que foi a uma Rave.
Também são hilárias as histórias que conta de Mary Mallandro, sua produtora e ex-mulher; ou quando fala que os quadros das célebres "Pegadinhas do Mallandro" sempre lhe deram muita audiência: audiência no Fórum do Rio, no Fórum de Niterói, no Fórum de Sao Paulo, em virtudes dos inúmeros processos que recebeu de pessoas indignadas com as brincadeiras.
Serginho também interage muito com o público, principalmente tirando sarro de alguns que ele escolhe pra inclui-los em suas piadas, ou quando convida um rapaz e uma moça solteiros, e ensina ao cara "infaliveis" cantadas.
Recomendo a todos o "Satand Up Comedy do Sergio Mallandro", que continua em cartaz de sexta a domingo, no Teatro Grandes Atores. É diversão garantida, e tenho certeza que você como eu, irá se surpreender, e acabar com preconceitos em relação a esse Maluco Beleza.

2 comentários:

  1. Não consigo gostar dele, cara... hahaha





    Jessica.

    ResponderExcluir
  2. Oi Jessica, legal ver você por aqui!
    Aposto que mudaria sua opinião se tivesse ido a Lona nesse sábado.
    Beijão

    ResponderExcluir