Total de visualizações de página

domingo, 9 de maio de 2010

25 de Abril de 2010 - LULU SANTOS NO VIRADÃO CARIOCA - RIO DAS PEDRAS


Evento bacana, esse tal de "Viradão Cultural". Dois dias ininterruptos de shows, peças de teatro em palcos espalhados por vários bairros do Município do Rio de Janeiro. No domingo estava dividido entre ver o incrível Milton Nascimento no Centro, ou o perfomático Lulu Santos no Rio das Pedras, sendo o último bem mais perto de casa.
Como resolvemos gravar o ensaio da minha banda, acabei saindo do estúdio muito tarde, e só dava tempo de chegar a tempo pro show do Lulu.

Considero Lulu Santos o maior "Bandleader" do Brasil, só comparável a Hebert Vianna antes do acidente. É um verdadeiro showman, e um mestre de cerimônia com total domínio sobre o público. Sem contar que é um exímio guitarrista, e um extraordinário "Hitmaker", possuidor de centenas de sucessos marcantes em três décadas de bom serviços prestados a música Pop.
O Palco foi montado no estacionamento de um supermercado na comunidade do Rio das Pedras, o show começou as 22h em ponto, bem na hora que cheguei. E de cara, Lulu mandou um medley com "Toda Forma de Amor", "Um Certo Alguém" e "Último Romântico", que são três das minhas preferidas.
Contando com o baterista Chocolate (já a mais de dez anos acompanhando o cantor), e uma banda afiada com direito a percussionista, saxofonista, tecladista, baterista, e uma bela e esguia morena nos backing vocals, que soltou a voz na dançante e swingada "Condição". Depois a moça se limitou a dançar sensualmente, servindo mais como enfeite, até que numa versão "sambão" de "Sábado a Noite", ela surge fazendo a marcação com um surdo.

Antes Lulu ao violão toca uma bela balada, que eu nunca ouvira, e anuncia ao término que esta era uma canção que ele havia composto naquela mesma semana, e que éramos os primeiros a ter o privilégio de conhecê-la.
Alternado entre a guitarra e violões de 12 e de 6 cordas, colocou todo mundo no bolso, com seu caminhão de hits que fez a galera pular e dançar a noite inteira. Com um pouco mais de uma hora e quinze minutos ele toca mais um medley com "Sereia, "De repente California" e "Como Uma Onda", a diferença é que a famosa batida original foi trocada por, como ele mesmo disse, por um "tamborzão nervoso" ,semelhante ao do batidão do Funk do famoso baile "Castelo das Pedras", que ficava bem próximo de onde estávamos. Inclusive Lulu disse que já o prestigiou por várias vezes. Com isso, deixa o palco, fazendo começar o coro de "mais um, mais um".
Voltando, ele faz questão de apresentar os músicos da banda, e diz que está feliz de voltar a fazer shows, e que fazia tempo que não se apresentava ao vivo, e pra finalizar, toca "Descobridor dos Sete Mares" do grande e saudoso Tim Maia.
Diversão garantida.

SETLIST:
1- Toda Forma de Amor / Um Certo Alguém / Último Romântico
2- Condição
3- Na Boa
4- Tudo Azul
5- Tempos Modernos
6- A Cura
7- Duplo Mortal
8- Um pro Outro
9- Tudo Bem
10- Música Inédita
11- Sábado a Noite
12- Aviso aos Navegantes
13- Tudo Igual
14- Já É
15- Assim Caminha a Humanidade
16- Baby de Babylon
17- Sereia / De repente California / Como Uma Onda
Bis:
18-Descobridor dos Sete Mares

Um comentário:

  1. Participe da campanha "Música em troca de Fraldas", que visa ajudar às crianças desabrigadas pelas chuvas no RJ:

    Bleffe no #RioUnido

    ResponderExcluir